quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Terapias holísticas tratam o doente e não a doença

O grande diferencial das terapias holísticas é que elas tratam o doente e não a doença. Buscar as causas é mais eficaz do que mascarar as suas manifestações. Ao eliminar um sintoma, como uma febre ou inflamação, as causas são ignoradas e provocam reações cada vez mais intensas e graves no indivíduo. “É fundamental encontrar todos os fatores envolvidos, sejam eles emocionais, mentais, físicos ou energéticos e as relações que eles podem ter entre si para identificar as condições que levaram ao surgimento da patologia”, destaca Paulo Edson Reis Jacob Neto, terapeuta ortomolecular e presidente do Sindicato dos Terapeutas do Estado do Rio de Janeiro (Sinter-RJ).

Nenhum comentário:

Postar um comentário