quinta-feira, 23 de junho de 2011

Aromaterapia possui contra-indicações

Paulo Edson Reis Jacob Neto, presidente do Sindicato dos Terapeutas do Estado do Rio de Janeiro (SINTER-RJ), afirma que mesmo sendo totalmente natural, o tratamento com óleos essenciais também possui algumas contra-indicações. Crianças menores de cinco anos, pessoas com doenças crônicas ou com doenças respiratórias, como a asma e alergias, não devem ser tratadas com a aromaterapia. “Mulheres grávidas também devem evitar o uso dos óleos, já que algumas substâncias, como as extraídas do alecrim e da salva, podem provocar contrações uterinas e prejudicar a saúde da gestante e do bebê”, alerta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário